A melhor oportunidade de compra desde 1971

Este é o texto de uma entrevista de Doug Casey sobre commodities, que ele acredita estar nos primeiros degraus de um enorme mercado ascedente.

Douglas R. Casey é um escritor americano e o fundador e presidente da Casey Research. Ele se descreve como um anarco-capitalista influenciado pelas obras do romancista Ayn Rand. Casey é um investidor imobiliário, bem como um conselheiro sobre como tirar proveito das distorções do mercado e períodos de turbulência econômica.

O artigo explica por que o cenário está posto para uma corrida monstruosa em commodities. Doug discute a necessidade de produtos básicos para viver; nanotecnologia, exploração espacial e a inteligência artificial que se aproxima; a natureza altamente cíclica e volátil das commodities; os custos de produção; a oportunidade anterior para commodities; criptografia; opções e commodities; o furacão financeiro de 2007; por que a oportunidade atual das commodities parece estar pairando sob o radar; demanda de commodities; e as forças poderosas que criam volatilidade no mercado de commodities.

Best Buying Opportunity Since 1971 | BullionBuzz

Assim segue a entrevista:

“Bem, deixe-me começar dizendo que as commodities estiveram caindo nos últimos 5.000 anos. O preço real das commodities, quer se trate de gado, grãos, energia ou metais, vem caindo desde o início da civilização. E essa tendência continuará.

Porque, nos tempos primitivos, só possuíamos palitos e pedras cruas e animais e plantas selvagens. Se você encontrasse um pequeno pedaço de ferro metálico de um meteorito, você seria o equivalente a um homem bilionário. Se você pudesse encontrar o cadáver de um veado morto, você poderia evitar a fome por mais uma semana. Se você encontrasse um arbusto com frutas, seria alto tão grande quanto possuir um supermercado hoje.

Você precisava de mercadorias (commodities) para viver, mas eram raras e não processadas. Todo o caminho da civilização desde o fim da última era do gelo há 12 mil anos foi desenvolver tecnologias para aumentar os montantes e reduzir os custos das commodities. As commodities são as matérias-primas da civilização.

Mas agora, coisas como a nanotecnologia, a exploração espacial e a inteligência artificial (AI) estão se aproximando. Eles vão fazer as matérias-primas super abundantes, e super baratas. Essas novas tecnologias irão causar o colapso dos preços das commodities. Elas basicamente estão indo para o zero.

Então, por que apostar nas commodities? Porque, de fato. É um paradoxo aparente. Estamos fazendo isso, no entanto, porque as commodities são altamente cíclicas. E altamente voláteis.

É verdade que os preços das commodities caíram nos últimos 5.000 anos, e essa tendência continuará. Mas isso não é relevante para o que acontecerá nos próximos cinco anos. Por que não? Porque a maioria não está apenas vendendo sobre o custo de produção, mas também com uma baixa cíclica clara. As commodities estão muito baratas. Em termos absolutos e relativos. Além disso, há a possibilidade de vários acidentes financeiros e força maior aparecerem nos mercados. As perturbações políticas e as guerras tipicamente fazem as commodities disparar. Condições climáticas ou doenças podem criar escassez. Estas estão entre as razões macro que penso que as commodities irão liderar nos próximos cinco anos.

Eles estveram no topo em 2011. Muitas ainda estão 50% mais baixas. Elas poderiam cair mais? Tudo é possível, é claro – podemos ter uma deflação por colapso de crédito, por exemplo. Mas isso é improvável com a política monetária massivamente inflacionária de hoje, que exerce pressão sobre todos os preços.

O que as impede que estejam mais baratas?

Os custos de produção são o fator limitante para a queda maior. No momento, a maioria dos produtores de commodities estão apenas a empatar ou perder dinheiro.

Isso é um problema e não pode continuar por muito tempo. Afinal, as commodities são os blocos de construção da civilização. Você precisa deles para sobreviver. E o mundo usa mais delas todos os anos. Em parte porque a população mundial ainda está crescendo. Mas em parte porque milhares de novos usos são encontrados para todas elas, todos os anos.

Existem 92 elementos que ocorrem naturalmente na tabela periódica. Tudo no universo é feito com eles. Um século atrás, apenas metade deles tinha uso; agora todos eles têm muitos usos.

Curiosamente, a American Chemical Society publicou recentemente um artigo que diz que uma dúzia ou mais está em falta já crítica. Eles disseram que outros 30 elementos ou mais poderiam ficar escassos até o final do século.

Artigo bobo, de uma perspectiva histórica. Eu suspeito que eles tiveram um major inglês que é um membro do Green Party a escrevê-lo. Eu discordo fortemente. Isso porque a “abundância” e a “escassez” em uma economia avançada são funções da economia muito mais do que da química. Mas a percepção geralmente cria realidade nos mercados. Einstein estava certo quando disse que, após o hidrogênio, a coisa mais comum no universo é estupidez.

Mas talvez eles estejam certos. Se assim for, é um outro argumento para olhar as commodities agora.

Então, basicamente, os preços das commodities são muito baixos para suportar a produção. Portanto, eles devem se levantar. Caso contrário, as luzes se apagam e nada é construído.

E não só isso, todos os governos estão imprimindo unidades monetárias aos borbotões. Mas quase nenhum desses novos fundos acabou em commodities até agora. Eles são basicamente o único recurso que ainda está barato.

Ninguém se importa com commodities agora. Eles não são “gostosos”. Bitcoin, ações de tecnologia e as coisas dessa natureza são o sabor do dia.

Você pode ver o que quero dizer nos gráficos abaixo, que mostram o número de fundos de investimento novos lançados no mercado para investimento em commodities e nas criptomoedas, nos ultimos anos.

Mas se você quer ganhar dinheiro, você deve comprar chapéus de palha no inverno. Você precisa comprar guarda-chuvas quando está ensolarado, não quando está chovendo.

Todos os mercados financeiros rodam. Todos são cíclicos. Mas as commodities são, de longe, as mais cíclicas de todos os mercados.

Esse é o argumento básico para comprar commodities agora. Em cinco anos, espero estar dizendo que é hora de vendê-las. E, quando os preços das commodities estarão em níveis maníacos, mais dinheiro pode ser feito – e muito mais rápido.

A última vez que uma oportunidade esteve madura assim provavelmente foi em 1971, antes do padrão-ouro do US Dollar cair. Depois disso, cada mercadoria decolou. Grãos, gado, energia e metais.

Foi então um fenômeno monetário. E o mesmo está acontecendo novamente, embora com algumas reviravoltas. O ouro, por exemplo, está cerca de três vezes mais caro, em termos reais, do que em 1971. O equivalente a US $ 120 naquela época. Mas a situação financeira do mundo é muito, muito, mais instável.

Eu suspeito que uma razão é porque muitas pessoas que normalmente compram ouro estão comprando ativos alternativos. Centenas de bilhões de dólares entraram somente na  criptografia. Muitas pessoas que normalmente compram ouro estão comprando criptos em vez disso.

Eu gosto de comprar coisas quando são demonstravelmente baratas. Isso não é mais verdade para a bitcoin. Mas é verdade para as commodities agora.

Basta olhar para este gráfico abaixo. Ele diz tudo o que você precisa saber. Ele mostra a relação do índice S&P GSCI, uma medida líder dos movimentos gerais dos preços e inflação na economia mundial que serve de referência para o investimento nos mercados de commodities e como medida do desempenho das commodities ao longo do tempo. O gráfico mostra (destacado nos círculos verdes) os momentos com preços das commodities em baixa e os momentos de grande crise com as commodities em alta (circulos vemelhos).

É arriscado investir agora? Certo. Isso porque qualquer coisa pode acontecer. Mas no mundo de hoje é uma das melhores proposições de risco / recompensa por aí.

Hoje em dia, as pessoas costumam lidar com dígitos na Net, no Ether, na nuvem. É como uma realidade artificial. O mundo deixa de existir se perderem o iPhone. Eles só apreciam o mundo digital e empresas como o Facebook e a Amazon.

As pessoas de commodities, no entanto, vivem no mundo físico. Eles estão brincando ao sol com vacas, sujeira, óleo e grandes máquinas amarelas. É aqui que existe a realidade, muito mais do que em um dispositivo plástico.

Mas e do lado da demanda? Qual é o apetite para as mercadorias?

Três quartos das pessoas neste planeta são pobres. E elas querem todas as coisas que os americanos e os europeus têm. Eles querem comer muito mais carne e pão. Elas querem geladeiras, aparelhos de ar condicionado, carros e tudo mais que temos por certo. Isso requer muita matéria-prima.

Os preços das commodities irá subir se tivermos uma grande guerra. E o relógio na parede está me dizendo que um grande conflito está nos planos. Eu não estou falando sobre outra guerra por esporte como as que os EUA têm tido nos últimos anos. E isso é bom para as commodities.

Por outro lado, a tecnologia continua melhorando. As coisas sempre tendem a se tornar mais eficientes. Eu costumava fazer dez milhas por galão no meu carro nos velhos tempos. Agora, os carros fazem 15, 20, até 30 milhas por galão.

Não só isso, é preciso muito menos material para produzir um produto. A fabricação é muito mais eficiente. Tudo hoje é menor e mais leve. Desde a década de 1960, a produção de tudo, desde grãos a gado, tornou-se eficiente. Um acre típico produz muito mais grãos e carne bovina hoje do que na década de 1960.

E a produtividade aumentará ainda mais com a revolução genética que está acontecendo. Então, essas coisas indicam baixas para commodities no longo prazo. Nós não nos importamos. Você pode jogar as tendências em ambos os sentidos.

E qual força é mais poderosa?

É a do conflito. Isso cria volatilidade. E isso, por sua vez, cria oportunidade. Neste momento, é uma grande oportunidade para cima.”

Proteja suas economias em prata física, antes que ela fique cara demais!

 

Fonte.

Deixe seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s