“Não há mais estabilizadores” – a próxima queda dos mercados fará os traders pirarem

O titã dos fundos de hedge, Leon Cooperman, acredita que permanecer comprado é a única opção para os investidores em ações, desde que o Fed mantenha as taxas de juros baixas. Assim que o mercado tiver um motivo para vender, os traders podem esperar uma onda tumultuada de vendas no mesmo nível das quedas vistas em março de 2020.

“There Are No Stabilizers Left”—Cooperman Warns That Next Market Crash Will Make Traders’ “Heads Spin” | BullionBuzz | Nick's Top Six

Cooperman disse: “Não vejo a condição para um grande declínio do mercado atualmente; no entanto – e este é o grande ‘porém’ – devemos reconhecer que estamos puxando a demanda para a frente e a perspectiva de longo prazo não é particularmente favorável na minha opinião. ”

Isso significa que se os investidores “falassem com 100 economistas hoje e perguntassem qual é a sua opinião sobre o potencial de crescimento real da economia dos EUA, a resposta seria centrada em torno de 2% reais, e eles chegariam lá dizendo bem, acho que o crescimento da produtividade está em 1,5%, o crescimento da força de trabalho é de 0,5% e isso é um crescimento real de -2%. Um pessimista pode dizer 1,5%, um otimista pode dizer 2,5%, mas seria centrado em torno de 2%. ”

“Este ano estamos crescendo o potencial de 4 a 5 vezes, mas o Fed insiste em manter as taxas de juros perto de zero. Isso não faz sentido para mim. Isso está apenas empurrando as pessoas para fora da curva de risco. ”

Ele espera que o mercado caia em até um ano.

Embora o presidente do Fed, Powell, insista que o Fed ainda não está pensando em aumentar as taxas de juros, Cooperman permanece cético. E, embora Cooperman entenda que não há nada a ganhar lutando contra o Fed – que as ações provavelmente continuarão a subir, já que a confiança no Fed permanece alta – em algum momento, as avaliações espumosas do mercado vão acabar em lágrimas.

Cooperman disse ainda que algumas das ações mais valorizadas merecem seus preços elevados. Questionado sobre suas participações na Amazon, Microsoft e Alphabet, Cooperman disse que permaneceria firme. Ele acrescentou que “são empresas reais e substantivas, gerando caixa substancial, não as vejo como supervalorizadas … o que está supervalorizado é renda fixa … Não entendo por que alguém compraria um título do governo.”

Cooperman disse que, embora não veja as condições para um grande declínio, “quando o mercado tiver uma razão para cair, vai cair tão rápido que sua cabeça vai girar … porque não há mais estabilizadores“. (fonte)

Toda a legislação implantada nos EUA para evitar uma nova crise como a do subprime já foi abolida ou afrouxada. Uma pequena amostra disso foi a recente perda de US$ 4,7 bilhões do Credit Suisse em um fundo de hedge que era um esquema de Ponzi.

E recentemente a Secretária do Tesouro dos EUA Janet Yellen deu com a língua nos dentes, dizendo que o Fed pode sim ter que logo aumentar os juros, para conter o dinheiro de helicóptero jogado pela administração Biden. Mesmo tentando apagar o incêndio que ela mesmo criou em seguida, ficou claro para os investidores que a inflação nos EUA está no radar, e seu efeito já foi sentido nas bolsas mundiais na quinta-feira (06/05).

E como se não bastasse, Biden planeja uma impressão adicional de mais US$ 4,5 trilhões para infraestrutura e projetos sociais. Um dia a conta virá para os norte-americanos, e os brasileiros conhecem bem o que é a hiperinflação. Só que a quebra do Tesouro norte-americano afetará o US Dollar, a moeda de reserva do mundo, e os governos e grandes bancos mundiais cairão como um dominó.

Lembre-se, primeiro ela vem devagar, depois chega de repente…

Bridgewater Co-CIO: O mercado está “muito, muito perigoso

Em janeiro de 2020, Ray Dalio, da Bridgewater (uma empresa americana de gestão de investimentos fundada em 1975), alertou que o dinheiro é lixo, sugerindo que os investidores deveriam diversificar em ouro. Um ano depois, o bilionário alertou que investir em títulos (e na maioria dos ativos financeiros) se tornou uma estupidez.

No mês passado, Dalio advertiu que os Estados Unidos podem ser vistos como um lugar inóspito para o capitalismo e os capitalistas sob os democratas, e sua empresa apoiou o Bitcoin como uma reserva de riqueza.

Portanto, sem dinheiro; sem vínculos; compre ouro, compre Bitcoin … e agora o co-diretor de investimentos da Bridgewater, Greg Jensen, alertou os investidores de que partes do mercado de ações dos EUA estão em uma bolha, mas operar a descoberto muito cedo é o lugar mais fácil para morrer para um investidor.

Jensen se juntou ao podcast What Goes Up” da Bloomberg, para discutir a reunião do Federal Reserve e como a ampla liquidez do banco central, combinada com uma recuperação econômica em expansão, tornam as condições maduras para os mercados ficarem mais agitados. (fonte)

Enquanto isso, a demanda por prata aumenta

Em um relatório conjunto publicado na quinta-feira, o The Silver Institute e a consultoria de metais preciosos Metals Focus disseram que a demanda por prata este ano deve subir ao seu nível mais alto desde 2015. O relatório surge depois que os investidores elevaram os preços da prata a uma alta de sete anos no ano passado em uma corrida para a segurança mesmo com o setor manufatureiro caindo.

Agora, o Instituto espera que a demanda chegue de todos os lados e suba para 1,033 bilhão de onças este ano, um salto de 22% em comparação com 896,1 milhões de onças em 2020. Embora os fundos de “papel de prata” devam comprar o mínimo de qualquer categoria, No entanto, prevê-se que comprem 150 milhões de onças de prata em 2021, um aumento anual notável em relação aos níveis anteriores à crise.

Embora o Silver Institute registre uma recuperação significativa na demanda tanto dos joalheiros quanto do setor manufatureiro, eles acreditam que a demanda e o sentimento dos investidores continuarão a ser o principal fator na determinação dos preços (como tem sido o caso até agora). A prata é um componente crítico em dois enormes e crescentes setores “verdes”: fotovoltaico, também conhecido como painéis solares, e fabricação de veículos híbridos e elétricos. (fonte)

E a especulação com os derivativos sem lastro pode acabar

Em 21 de abril de 2021, uma grande quantidade de papéis foi removida do iShares Silver Trust (SLV). Pode ter sido uma retirada da prata não alocada, especialmente porque o SLV não é auditado e questões foram levantadas, especialmente em 2 de fevereiro de 2021, quando uma venda inversamente proporcional ocorreu em um cenário de longos recordes.

Ouro / prata não alocado é um tema quente. A multidão do Reddit e a enorme onda da Internet identificando empresas como o SLV negociando com prata não alocada e derrubando o preço tornou-se conhecimento comum, quando alguns meses atrás ninguém teria entendido a diferença entre os dois.

Os bancos de metais têm alugado ouro dos bancos centrais para vendê-lo a descoberto há anos. É um mercado de reserva fracionária manipulado. A hipoteca tem sido a norma por tanto tempo que parece aceitável continuar normalmente.

Mas os investidores devem saber se seus investimentos em ouro ou prata estão alocados ou não alocados. Se estiverem investidos em ETFs, devem saber contra o que seu dinheiro está investido.

Cerca de 95% do ouro possuído (não comercializado) em todo o mundo é ouro não alocado. Ou seja, não está em propriedade total de um investidor e armazenada, ou sob custódia em um cofre de ouro profissional. Essa é uma estatística impressionante.

Quando o Acordo de Basileia III entrar em jogo em 28 de junho, o ouro não alocado será caro para negociar e não valerá a pena para os vendidos manipulados continuarem. A LBMA não consegue cumprir as regras que estão por vir, apesar de ter tido anos para se preparar. Não é segredo que ela lida com ouro e prata não alocados em massa, e tem feito isso há anos.

Existem muitas definições confusas para não alocado e alocado, então aqui está a diferença simples: quando você compra ouro ou prata por meio de uma conta não alocada, você não o possui. Ele pode ser alugado e pode ter nomes de várias pessoas nele.

Quando você compra metal alocado, no entanto, o ouro ou prata tem seu nome nele. Se você comprar fisicamente e receber a entrega, ele ficará com você em sua posse. É por isso que tem havido um impulso para possuir e manter o metal físico, porque há uma confiança declinante nas posses de ouro e prata não alocados em todo o mundo.

A LBMA e o Comex estão perdendo ouro e prata físicos na taxa mais rápida em muitos anos. Com as entregas em massa no final do mês e saídas recorde, e os ETFs não alocados caindo rapidamente, a manipulação dos preços dos metais pode estar terminando, especialmente com Basileia III se aproximando.

A questão, porém, é se os derivados de ouro e prata acabaram. Com mais e mais pessoas saindo correndo dos ETFs e com o Basel III chegando, quem quer injetar dinheiro nesses derivativos sem lastro? (fonte)

Como já havíamos indicado, as cotações já estão sentindo a pressão, com a prata se valorizando mais de 8% no mês, seguido por um grande movimento de entrada no ouro também:

Cotações dos contratos derivativos metais no fechamento em 07/05/2021.

Proteja suas economias em prata física, antes que ela fique cara demais!

Deixe seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s