Veremos a prata a US$ 100 logo a frente, segundo Peter Krauth

Peter Krauth é um ex-consultor de portfólio e um veterano de 20 anos no mercado de recursos naturais, com especialização em metais preciosos, mineração e ações de energia. Peter contribuiu com vários artigos para Kitco.com, BNN Bloomberg, Financial Post, Buscando Alpha, Streetwise Reports, Investing.com, TalkMarkets e Barchart.

Ser um investidor de prata nas últimas semanas tornou-se mais desafiador psicologicamente.

Isso é verdade até para nós, entusiastas obstinados da prata.

Afinal, as cotações dos papéis de prata tiveram um destaque em 2020, tendo ganhado cerca de 47% em seu melhor ano desde 2010. Isso superou facilmente o retorno impressionante de 25% do ouro.

Mas a realidade é que até agora em 2021, os papéis de prata caíram 9%. E, enquanto isso, quase todos os motivadores fundamentais do mercado permaneceram intactos. Parece que as pressões sobre os preços da prata são prováveis de dois ângulos. O primeiro é que depois de um 2020 tão impressionante, certa correção era esperada. Isso é o que os mercados em alta fazem.

O segundo ponto de pressão é um índice do dólar americano em alta, provavelmente graças ao aumento dos rendimentos dos títulos de longo prazo. No entanto, é importante considerar que essa tendência também seguirá seu curso e se esgotará. Isso poderia acontecer naturalmente, ou o Fed poderia intervir impondo o controle da curva de rendimento.

Porém, rendimentos mais altos são um sinal de aumento das expectativas de inflação e crescimento da atividade econômica. E um dólar americano mais forte, que favorece as importações em relação às exportações, provavelmente não é um resultado favorável para os planejadores centrais.

Portanto, paciência é a melhor abordagem neste momento. Em minha opinião, o fim dessa correção da prata está próximo.

Aceite a volatilidade da prata

Em um relatório recente, os analistas de commodities do Bank of America indicaram que esperam ver os preços da prata em média $ 29,28 este ano. Isso é baseado na expectativa de um déficit modesto de abastecimento de 281 milhões de onças. Eles também apontam: “Embora esperemos uma recuperação na oferta este ano, a produção deve permanecer abaixo dos níveis de pico vistos há pouco tempo, também porque o pipeline do projeto está relativamente vazio.”

O impulso por energia verde, combinado com gastos massivos em infraestrutura e forte demanda de investimento, deve manter a oferta abaixo do preço da prata e ajudá-la a subir novamente este ano.

Embora a prata tenha caído 9% em 2021 e tenha recuado 19% desde seu pico de agosto perto de US $ 30, isso certamente está bem dentro das correções históricas do mercado altista.

O ponto é que as correções da prata fazem parte do jogo. Os investidores precisam abraçá-las e usá-las a seu favor.

Entre 2002 e 2006, os papéis de prata caíram 10% ou mais em 4 episódios separados.

Então, entre 2006 e 2011, correções mais curtas, mas às vezes profundas, vieram, com os papéis caindo 13% ou mais: três vezes separadas.

Nos últimos 21 anos, a prata produziu um retorno médio anual entre 8% (em franco suíço) e 16,48% (em Yuan chinês). Em dólares, a prata ficou em média 11,43% ao ano. Em Reais, devido à desvalorização da moeda frente ao US$, a valorização da prata em 21 anos foi astronômica: 477% das cotações dos papéis mais 475% até agora da desvalorização do Real.

Claro, isso veio com uma volatilidade considerável, bem como vários anos de baixa. Mas a média mundial é de 11,93% de ganhos anuais nas últimas duas décadas. Portanto, a tendência geral é inegavelmente de alta: estamos em um mercado de alta para a prata.

Agora vamos ver de uma perspectiva mais ampliada.

Se levarmos em conta a inflação, que é maciçamente subestimada como “inflação oficial”, então os preços dos papéis de prata atingiram um pico de $ 120 em 1980 e cerca de $ 57 em 2011. O preço de hoje perto de $ 25 ainda está bem abaixo desses níveis, sugerindo que ainda há muito a crescer à frente.

Na verdade, a US $ 24 hoje em comparação aos US $ 120 ajustados pela inflação em 1980, a prata está atualmente cerca de 80% abaixo desse pico. E, no entanto, os fundamentos econômicos atuais como dívida, déficits, gastos, taxas de juros e perspectivas de oferta / demanda são muito mais otimistas, que o nível de $ 120 de 1980 provavelmente será facilmente ultrapassado.

Olhando para a prata de uma perspectiva técnica, na minha opinião, estamos no fundo final ou próximo a ele nessa correção.

Os investidores devem enfatizar como estar adequadamente posicionados neste mercado, com exposição equilibrada a prata física, ações de produtores de prata e royalties, bem como de desenvolvedores de prata e até mesmo exploradores juniores de prata de alta octanagem.

É hora de ir no movimento contrário das cotações da prata. A história tem recompensado repetidamente.

Os US$ 100 para as cotações dos papéis de prata estão bem a nossa frente.

Proteja suas reservas em prata física, antes que ela fique cara demais!

(fonte)

Deixe seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s